Sábado, 28 de Fevereiro de 2009

Olhando nos teus olhos vejo ternura reflectida, a que nutro por ti e que tu sentes por mim. Oiço o meu nome na tua voz e o mundo desaparece, só quero tocar-te… E quando dizes “amo-te”, congelo, custa-me repeti-la para ti pois sou demasiado insignificante para uma palvara tão importante.

Mas tu sabes que te amo, não sabes?

No escuro, sentes com a ponta dos dedos o toque dos meus lábios, e aproximas os teus, docemente quentes e húmidos. Irresistíveis.

Eu não digo nada… espero que saibas que te amo!

Beijas-me e brincas comigo, inspirando o ar dos meus pulmões. Tiras-me o fôlego mais uma vez, abraçando-me. Tocas furtivamente no meu corpo e eu adoro que o faças, mas acho que nunca to disse.
 

Amo-te, hoje e sempre!

 



publicado por egasmoniz às 09:53
mais sobre mim
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15
16

24
25
26
27


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO